08 janeiro, 2012

No Grêmio, Felipe Nunes rebate críticas e nega ter abandonado Independente-SP


Marinho Saldanha
Do UOL, em Porto Alegre


A transferência de Felipe Nunes do Independente-SP para o Grêmio gerou uma série de críticas por parte do time do interior paulista. Através de seu presidente, o clube buscava tentava não perder o jogador de graça e dizia que o meia os havia abandonado. Apresentado pelo time gaúcho durante a pré-temporada, o atleta deu sua versão e evitou conflito.

O presidente do Independente da cidade de Limeira, no interior paulista, disse ao UOL Esporte em novembro que o Grêmio havia aliciado Felipe Nunes e convencido o jogador a abandonar o clube. A reclamação se dá pela saída do atelta antes da final da Série B estadual. Além da negociação através do fim de contrato, algo que evitou lucro do time paulsita.

Mesmo procurado pelos dirigentes da agremiação menor, o Grêmio não pagou soma alguma, já que Felipe tinha contrato encerrado e transferência livre para qualquer outro clube.

"Eu não tinha pré-contrato de 5 anos assinados com eles, como disse o presidente. É simples: acabou meu vínculo em novembro, assinei com o Grêmio e saí de lá. Não tem porque tudo isso, não abandonei ninguém", explicou o jogador.

Com 21 anos, o meia-armador participa do elenco principal gremista e é uma das apostas para a próxima temporada. A saída do Independente, que ano passado era treinado por Parraga atual técnico da base do Grêmio, ocorreu durante um período de lesão, por isso Felipe não esteve na final da Série B.

"Eu estava vetado pelo departamento médico. Tinha uma lesão. Por isso não iria jogar de qualquer forma. Só não fiquei para assistir o jogo", referiu. "Não podia deixar esta oportunidade passar. Nunca se sabe se vai ou não aparecer de novo", completou.

O Grêmio segue rotina de treinos de pré-temporada. O período de preparação para a próxima temporada dura até dia 14, em Bento Gonçalves, na serra gaúcha.

Fonte: Uol Esportes

Nenhum comentário: